A história do container

A história do container

Confira a história do container em vídeo:

Você já conhece o nosso canal no Youtube? Toda semana temos vídeos novos com conceitos, curiosidades, temas do momento, tudo para você  aprender mais e se manter informado sobre o que acontece no mundo da logística e supply chain! Clique aqui e confira.

O início da comercialização

Desde que os povos deixaram de ser nômades e começaram a se juntar em locais fixos e criarem comunidades, as pessoas começaram a produzir localmente aquilo que se necessitava ser consumido. Com o tempo, excedentes de produção começaram a acontecer, e cada povoado, começou a se especializar em tipos diferentes de produtos, de acordo com as características da região onde estavam instalados.

comercio-conceito-onde-surgiu-como-se-desenvolveu-e-atualidades-300x227 A história do container

Ilustração de um mercado em uma comunidade medieval

Com isso os povos iniciaram as trocas entre si dando início ao comércio entre diferentes regiões. O avanço dos transportes facilitou esse comércio, permitindo que uma quantidade maior de produto fosse conduzida de uma região para a outra, também aumentando a velocidade com que esses produtos eram movimentados.

O surgimento dos navios

As primeiras civilizações surgiram nas margens de rios, pois eram terras mais férteis e havia a facilidade de plantar. Com isso, os barcos começaram a ser utilizados como forma de transporte de pessoas e mercadorias entre as comunidades. Há indícios de utilização de canoas em comunidades com mais de 140 mil anos, mas os barcos mais antigos encontrados por escavações arqueológicas são datados de 7 a 10 mil anos atrás.

maxresdefault-1024x576 A história do container

Mapa demonstrando locais onde as primeiras civilizações se instalaram. Sempre próxima de grandes rios

Os navios foram utilizados por muitos anos, e vem sendo utilizados assim até hoje, como um importante meio de transporte de mercadorias, no século XV tivemos as grandes navegações, que acabou encontrando o continente americano, e como sabemos, grande quantidade de minerais (ouro, prata, pedras preciosas, etc), foram levados daqui para a europa. Isso sem contar, outros tipos de produtos como alimentos, animais, madeira, etc.

Como os produtos eram transportados?

barrels_0 A história do container

Toneis de madeira utilizado para transporte de mercadorias

Para facilitar o transporte, os produtos eram acondicionados em barris, tonéis ou caixotes, todos feitos de madeira. Estamos falando de uma época que não existia palete, caixas de papelão, empilhadeiras. Os barris precisavam ser carregados a mão. Algumas regiões começaram a ter estruturas de roldamas para ajudar, mas o serviço era intensivo em mão de obra. Por isso é comum em filmes de época vermos muitas pessoas trabalhando em áreas portuárias.

Stevedores_ny_1912-1024x807 A história do container

Estivadores no porto de Nova York em 1912

Durante todos esses séculos de transporte e comércio, eram comuns as perdas de produtos, devido a problemas de acondicionamento de carga e desvios de mercadorias. Além dos altos custos de movimentação, como carga e descarga. Segundo estudos da época, apenas o custo de carga e descarga nos navios representava cerca de 50% do custo total de transporte de um produto.

O surgimento do container

1_aROKNQNcorUxYys1j6qaRg A história do container

O americano Malcolm Mc Lean e seu caminhão

Mas foi somente em 1937, que o americano Malcom McLean, pensou em uma alternativa. Ele era dono de uma pequena firma de caminhões e assistindo ao carregamento de fardos de algodão em um navio, ele pensou em criar caixas de aço que pudessem ser transportadas do início até o final do processo.

Malcolm_McLean_at_railing_Port_Newark_1957_7312751706 A história do container

Malcolm McLean observando seus containers no porto de Newark

Com o passar dos anos, McLean foi evoluindo sua ideia, fundando a companhia Sealand, que foi incorporada pela dinamarquesa Maersk em 1999. Mas antes disso em 1966, após diversos testes entre portos americanos, foi realizado o primeiro transporte de containers intercontinental, no navio SS Fairland, que levou dos EUA para o Porto de Rotterdam na Holanda, que era o maior porto do mundo, 50 containers. Na época o porto de Rotterdam não tinha guindastes, o que havia sido previsto pelo Mclean, que havia adaptado um guindaste no próprio SS Fairland.

SS-Fairland-Rotterdam A história do container

Chegada do navio SS Fairland no porto de Rotterdam

Atualmente, Rotterdam continua sendo um dos portos mais importantes do mundo, sendo o maior e mais movimentado da Europa. Eu tive a oportunidade de visitar um dos seus terminais mais modernos e contei tudo nesse artigo aqui.

As vantagens do container

A invenção do container facilitou e agilizou o transporte de mercadorias entre os países, pois facilitou o carregamento/descarremento, contribuiu para reduzir avarias e possibilitou o transporte de diversos tipos de mercadorias diferentes em um mesmo navio.

p07mmt1g-1024x576 A história do container

Navio MSC Gulsun, um dos maiores do mundo, com capacidade para 23.756 containers

Os maiores navios do mundo hoje conseguem carregar mais de 20 mil containers de 20 pés, que é a medida padrão. Com a ajuda de terminais modernos e automatizados, podem ser carregados ou descarregados em poucas horas. Isso trouxe redução de custos de transporte, tornando os produtos mais baratos. Uma super conquista para nós consumidores.

Container ou Contêiner?

Antes de finalizar esse artigo, uma dúvida de português. É container ou contêiner? A forma correta do português do Brasil é contêiner,a palavra escrita com a letra a, é a grafia em inglês, mas atualmente ela também é aceita no Brasil, então tanto faz qual você escolhe. E uma curiosidade, em Portugal, a palavra usada é contentor, então, não se assuste se ver escrito assim em algum lugar.

E então, vocês já conheciam a história do container? Com certeza ele foi uma revolução para o comércio internacional e para a logística como um todo.