Qual curso escolher para trabalhar na LOGÍSTICA?

Qual curso escolher para trabalhar na LOGÍSTICA?

Confira qual curso escolher para trabalhar com logística em vídeo:

 

Qual curso escolher para trabalhar com logística?

Educação é um tema recorrente aqui no canal pois eu sou um entusiasta do estudo. Sempre vou incentivar as pessoas a continuarem aprendendo e se desenvolvendo. Uma dúvida que aparece com frequência é: quero trabalhar na área da logística, qual curso de graduação eu devo fazer? Por isso no artigo de hoje vou explicar um pouco de cada curso e no final eu vou dar o veredito sobre qual curso você deve escolher.

Curso de logística

O curso de logística está em alta nos últimos tempos. A pandemia evidenciou o profissional da nossa área e fez muita gente entender o que fazemos, o que atraiu novos interessados. O profissional de logística tem como objetivo aprimorar o desempenho organizacional das empresas, principalmente no que diz respeito à transporte e armazenamento. Para isso, ele avalia, projeta e implementa sistemas de compras, distribuição e entrega de produtos, de forma econômica, rápida e segura. Quem atua no mercado de logistica também identifica fornecedores, controla o estoque e ainda determina o meio de transporte a ser utilizado. Por conta de todas essas atividades, o curso de logística traz desde disciplinas gerais, como estatística e marketing, até específicas, como cadeia de suprimentos e armazenagem de materiais.

Curso de Administração

Outro curso bem procurado por profissionais da área é o de administração. Na teoria o curso é mais voltado para a área de gestão, com foco em ensinar o planejamento, organização e gerenciamento dos recursos humanos (funcionários) e financeiros de uma organização. No primeiro e segundo anos, as disciplinas são mais técnicas, como matemática, estatística e direito. Já os dois últimos anos do curso de Administração trazem conteúdos um pouco mais direcionados para a profissão, como finanças, marketing e recursos humanos.

Curso de Engenharia de Produção

Podemos falar também do curso de engenharia de produção. Ele se aproxima da administração e da logística, mas o objetivo do curso é dar ferramentas que vão ensinar ao aluno a como aumentar a produtividade de uma empresa. Ele age em todo o ciclo de produção, desde o manejo da matéria-prima até a qualidade final dos produtos ou serviços, usando conhecimentos técnicos e gerenciais. Para melhorar a eficiência e reduzir custos, o profissional de Engenharia de Produção aperfeiçoa os processos de produção e coordena as atividades logísticas, financeiras e comerciais. Os dois primeiros anos do curso de Engenharia de Produção, assim como das outras engenharias, têm disciplinas mais amplas. Nessa fase, o estudante vai ter muitas aulas de matemática e física. Depois, começam as aulas mais específicas, como organização do trabalho, administração e economia.

Curso de Comércio Exterior

Um curso que também traz boas ferramentas para o profissional de logística é o curso de comércio exterior, ou comércio internacional. Nesse caso o escopo aumenta um pouco, com o aluno aprendendo como fazer a gestão de movimentação de produtos entre empresas de países diferentes. Para esse profissional pelo menos o inglês é imprescindível. Conhecimentos de legislação, política, macroeconomia, transportes, relações entre países, são o foco desse curso.

Como escolher?

E agora como escolher o melhor curso para trabalhar na área da logística? Essa é uma pergunta bem interessante. Como vimos nas descrições dos cursos, com qualquer uma dessas quatro formações citadas você vai ter uma excelente base para o trabalho no dia a dia da logística.

Mas qual escolher? Essa é uma resposta bem pessoal. A minha sugestão para essa pergunta sempre é: veja o currículo dos cursos, com as matérias que vão ser ensinadas e veja  com qual programa você se identifica mais. Um outro fator que deve ser analisado é a disponibilidade do curso na sua região (a não ser que você esteja disposto a se mudar) e também o custo de cada um para o seu bolso.

Mas e se eu errar a escolha?

Em primeiro lugar, nenhuma escolha é definitiva em nossa vida, apesar de não ser possível voltar atrás, sempre é possível mudar e tentar algo novo. DE qualquer maneira, diferentemente de algumas profissões como advogado, médico ou enfermeiro, para trabalhar na logística, a pessoa não precisa necessariamente ser formado na graduação de logística. Isso abre o leque para pessoas de qualquer formação trabalhar na área.

Eu mesmo sou um exemplo disso, sou formado em economia, mas desde sempre trabalhei na área da logística, o que me fez ganhar muita experiência prática em diversas áreas do setor. Depois de quase 10 anos trabalhando na área que fui fazer uma formação mais específica, que foi quando fiz o mestrado em cadeias de suprimentos.

A sua graduação é um abridor de portas, mas a evolução na sua carreira vai depender muito mais da sua capacidade de desempenhar o trabalho e continuar aprendendo sempre.

Agora me diz aqui nos comentários, qual a graduação que você fez ou quer fazer?